Circo Mínimo
news menu leftnews menu right
Ladrão de Frutas


“Ladrão de Frutas” é livremente inspirado em uma notícia de jornal sobre Bruno, um menino de 9 anos que morava em uma árvore, e no livro "O Barão das Árvores", de Ítalo Calvino.
O espetáculo conta a história de um adolescente que decide não mais pisar no chão da sua terra; passa a viver nas árvores, onde recria seu modo de vida, vive uma história de amor e se torna um herói.

Misto de fábula, conto de fadas moderno e aventura, a história se passa em tempo indefinido, podendo remeter o espectador a um passado distante, assim como ao movimento hippie do final dos anos 60.

A trajetória do personagem, mostrada por meio de técnicas circenses, apresenta a transformação de um menino em homem, e mostra o surgimento de um herói, um Dom Quixote adolescente, que acompanha um período de transformações na história do seu País.

“Ladrão de Frutas” mostra um jovem idealista, que se apaixona, cria um modo de vida baseado em princípios ecológicos, luta por aquilo em que acredita, defende os necessitados e se torna líder da comunidade onde vive. Ao mesmo tempo, é rabugento, teimoso, genioso e turrão. Sonha com um mundo melhor e sofre profunda desilusão amorosa. Ao final, torna-se quase um sábio.

A encenação utiliza-se de técnicas aéreas em geral e, especificamente, da técnica do mastro chinês. A cenografia inclui cordas e tecidos esticadas entre os mastros, que representam os galhos das árvores ao mesmo tempo em que enfatizam a distância entre o chão e o ar, a distância entre dois mundos que separam uma geração. A linguagem circense, neste espetáculo, não apenas cria o cenárioA da história, mas também mostra que o ‘perigo’ vivido pelos atores é o mesmo vivido pelo personagem, dando substância ao radicalismo da sua escolha por um modo de vida alternativo.

Como em todos os espetáculos do CIRCO MÍNIMO, em “Ladrão de Frutas” as técnicas circenses são um meio e não um fim. Se por um lado a movimentação impressiona, por outro não gera um espetáculo virtuoso: o objetivo é apenas contar uma história que emocione e faça pensar, da forma mais vibrante, vigorosa, acessível e interessante possível.
 
  


title Filter     Exibir # 
# Título do Artigo
 


ZOL DESIGN - XHTML and CSS.